CBM anuncia o Latino-americano da Categoria YZ125 Cup em Interlagos

29/05/2024

 


Circuito de Interlagos, em São Paulo, vai sediar Campeonato Latino-americano YZ125, que terá representantes de 15 países - Foto: Rodrigo Junior

 

CBM anuncia o Campeonato Latino-americano da Categoria YZ125 em Interlagos

Pilotos de 15 países medirão forças durante o Festival Interlagos

 

A Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM) tem o orgulho de anunciar a realização do Campeonato Latino-americano da categoria YZ125, que ocorrerá nos dias 6 e 7 de junho de 2024, na pista de motocross especialmente construída no tradicional circuito de Interlagos, São Paulo.

 

Disputado em conjunto com o Campeonato Brasileiro de Motocross, o Campeonato Latino-americano promete ser um evento histórico, reunindo pilotos de 15 países diferentes em uma competição emocionante pela supremacia latino-americana. Inspirado pelo sucesso da IMS YZ125 bLU cRU Cup (projeto para formação de pilotos de 11 a 16 anos no motocross brasileiro), a FIM Latin America viu a oportunidade de expandir a competição para um nível internacional.

 

Os treinos do Campeonato Latino-americano acontecerão na quinta-feira (6) em paralelo aos treinos do Brasileiro de Motocross, proporcionando uma experiência completa para os participantes e espectadores. E na sexta-feira, dia 7, serão realizadas as duas corridas que definirão o campeão – o vencedor será o piloto que tiver melhor desempenho na soma das duas provas.

 

Com homologação da Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM) e da FIM Latin America, a competição será uma vitrine para o talento jovem do motocross e vai definir o campeão latino-americano de 2024.

 

“Uma categoria monomarca é muito importante, é uma quebra de paradigma no motocross. Assim como foi feito na motovelocidade, a Yamaha se adiantou e fez um bom trabalho. Eu vejo que a categoria YZ125 é uma forma de entrada na modalidade para todos os pilotos da FIM Latin América. Então nada mais justo do que a gente fazer um campeonato latino-americano também, com 15 motos, um piloto por país, em uma disputa franca, saudável, com motos iguais. Vai ser uma atração à parte e é mais um grande momento que estamos atravessando”, afirma Gustavo Jacob, presidente da CBM.

 

A realização é da Missão78 e patrocínio da Suhai Seguradora e da Yamaha Racing Brasil, além do apoio da Durag Factory Racing e Pirelli.

 

 

Sobre a CBM: A Confederação Brasileira de Motociclismo é a autoridade máxima do motociclismo brasileiro, dedicada a promover, regulamentar e supervisionar eventos de motociclismo em todo o país.

 

Voltar