Exemplo: CSS Dropdown menu sem JavaScript ou hacks
Visualizar Noticia

Gustavo Pessoa encerra participação no BRMX para fazer carreira no exterior

03/07/2018

Após participação em cinco etapas no Campeonato Brasileiro de Motocross e de ter sido convocado pela Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM) para integrar o time Brasil no mundial das Nações, que acontece em novembro em Michigan (EUA), o piloto Gustavo Pessoa da MX2 anunciou seu desligamento com a equipe Honda Racing para fazer parte da equipe Bike It DRT Kawasaki.

O piloto embarca hoje para o Reino Unido, local de Origem da Dixon Racing Team, onde se prepara para estrear no exterior, dia 22 deste mês, no qual competirá a 14ª etapa do MXGP na pista de Loket, localizada na República Checa.

Gustavo Pessoa fez uma boa campanha durante sua participação no Brasileiro de Motocross. Chegou a ficar por quatro etapas seguidas como líder do campeonato, até ter tido problemas com a motocicleta na última etapa realizada dia 10 de junho em Nova Alvorada (MS), e caído para a terceira posição da tabela.

 O presidente da CBM, Firmo Alves falou sobre o novo passo na carreira do piloto. "Ficamos muito felizes com a notícia e esperamos exportar mais Gustavo Pessoa. Diferentemente de muitos outros esportes, a CBM consegue oferecer hoje competições para categorias de base, que além de formar jovens talentos permite que eles tenham visibilidade e consigam construir uma carreira tanto dentro como fora do país. Os grandes nomes do esporte brasileiro tiveram sua passagem no exterior, e no motocross não é diferente. O intercâmbio que estes pilotos fazem agrega também para a evolução e nível técnico do nosso esporte quando retornam para o seu país de origem. A CBM deseja sucesso nesta nova jornada do Gustavo" - parabenizou o presidente da CBM.

O piloto segue com os treinos na Inglaterra e terá o patrocínio da ASM Rancing. Não é a primeira vez que a ASW impulsiona um brasileiro no Mundial de Motocross. A primeira vez foi com Balbi Jr., que aliás será chefe de equipe do time Brasil no Motocross das Nações, e disputou o MXGP de 2005 com apoio da equipe Ricci Racing. A marca também é responsável pelo patrocínio de pilotos da equipe brasileira em campeonatos como o Motocross das Nações e o International Six Days Enduro, além de ter dado base para Felipe Zanol ter conquistado seu oitavo lugar no Mundial de Enduro, em 2011.

_____________________________________________________________

Gustavo Pessoa ends participations in BRMX to makes career on abroad

After participating in five stages of the Brazilian Motocross Championship and having been summoned by Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM) to join Brazil’s team at the Motocross of Nations, held in November in Michigan (USA), MX2 rider Gustavo Pessoa announced he’ll leave Honda Racing team to be part of the Bike It DRT Kawasaki team.

The pilot embarks today to the United Kingdom, home of the Dixon Racing Team, where he is preparing to debut overseas on the 22nd of this month, racing at the 14th stage of the MXGP in Loket’s track, located in Czech Republic.

Gustavo Pessoa made a good campaign during his participation in the Brazilian Motocross Championship. He managed to hold the championship lead for four consecutive stages until he had problems with his motorcycle in the last stage, on June 10 in Nova Alvorada (MS), and dropped to third place overall.

CBM’s president, Firmo Alves, spoke about the new step in the pilot's career. "We are very happy with the news and expect to export more Gustavo Pessoa. Unlike many other sports, CBM is able to offer competitions for base categories, which in addition to training young talents allows them to have visibility and to build a career both inside and outside of the country. The great names of the brazilian sport have had their passage abroad and with motocross is no different.

The exchange that these riders do also adds to the evolution and technical level of our sport when they return to their home country. CBM wishes Gustavo success on this new journey"- congratulated the president of CBM.

The rider continues his training in England and will be sponsored by ASW Racing. It is not the first time that ASW launches a brazilian in the Motocross World Championship. The first time was with Balbi Jr., who will be Brazil’s team leader in the Motocross of Nations and raced the 2005 MXGP with support from the Ricci Racing team. The brand is also responsible for the sponsorship of pilots of the brazilian team in championships such as the Motocross of Nations and the International Six Days Enduro, as well as supporting Felipe Zanol to win his eighth place in the Enduro World Championship in 2011

Voltar