Exemplo: CSS Dropdown menu sem JavaScript ou hacks
Visualizar Noticia

Jalapão foi palco neste final de semana do Rally Baja e Rally Cross Country

11/06/2018

O piloto Jean Azevedo, da equipe Honda Racing, assumiu neste domingo (10) a liderança da classificação geral e da categoria Super Production entre as motocicletas do Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country, após completar o 4º Rally Jalapão 500 em segundo lugar. A última etapa, disputada no Parque Estadual do Jalapão com 535 quilômetros (255 km de trechos cronometrados), foi realizada entre São Félix do Tocantins e Palmas, no Tocantins. O desafio incluiu três dias de prova e 1133 km de percurso - 823 deles de especiais.

 

Jean Azevedo lidera competição - foto: Gustavo Epifânio


Gregorio Caselani concluiu a disputa no Jalapão em terceiro lugar, tanto na Super Production quanto na classificação geral, e agora é o vice-líder da geral e de sua categoria no Campeonato Brasileiro. Assim como Azevedo, ele compete com uma Honda CRF 450RX. A equipe Honda Racing ainda lidera o Brasileiro nas classes Production Aberta, com o mineiro Tunico Maciel, e Rally Brasil, com Júlio “Zavatti” Bissinho. O paulista acelera uma CRF 230F e foi campeão de sua categoria no Jalapão com 100% de aproveitamento, além de ter cravado o quinto melhor tempo da geral. Os resultados são extraoficiais.

O percurso da etapa final incluiu trechos sinuosos e muita navegação. O terreno transposto pelos competidores foi de bastante areia pesada, como é típico do Parque Estadual do Jalapão. Jean Azevedo, decacampeão brasileiro, celebrou a segunda posição geral entre as motos na prova, que o alçou à liderança do campeonato nacional.

“Consegui vencer a última etapa, ficar em segundo na classificação geral acumulada e assumir a liderança do Brasileiro. Vou continuar focado e empenhado em fazer boas etapas nas próximas provas, sempre pontuando bem para tentar chegar no final do ano com meu 11? título do Brasileiro. O campeonato é muito longo e cada dia de prova é uma etapa separada. Então, manter essa regularidade é muito importante”, disse. Azevedo ressaltou as particularidades da prova disputada no Jalapão, que também serviu como treino para a disputa do Rally dos Sertões, em agosto. “Pegamos bastante areia e tivemos especiais muito longas. Vamos encontrar essas características no Sertões, que é o principal objetivo do ano”, pontuou.

Campeão da classe Rally Brasil, que reúne apenas motocicletas nacionais, Júlio “Bissinho” é o líder disparado desta categoria no Brasileiro, após vencer todas as etapas que disputou na temporada até o momento. “Eu estou muito satisfeito com o desempenho da minha CRF 230F. Tenho obtido ótimos resultados com a motocicleta e conseguido andar sempre em um ritmo bem forte”, afirmou. “Foi um rali perfeito, muito bem organizado, com especiais difíceis, do jeito que eu gosto. Eu andei muito bem, consegui vencer em todos os dias. Agora vou me preparar para as próximas etapas, que serão em Santa Catarina, e para o Rally dos Sertões”, completou.

Depois do Tocantins, o Brasileiro de Rally Cross Country vai para a região Sul do país. O Rally Caminhos da Neve, prova inédita no calendário nacional, será realizado entre os dias 29 de junho e 1º de julho. O evento terá como base a cidade de Lages (SC) e um percurso que atravessará a Serra Catarinense e a Serra Gaúcha.

A equipe Honda Racing de Rally conta com o patrocínio da Honda, Michelin, Mobil, D.I.D correntes, Edgers, BRC, Race Tech e Alex Design.

Resultados Rally Jalapão 500 (resultados extraoficiais)

Classificação final

Geral - Motocicletas
1 - Ricardo Martins - 10:34:48
2 - Jean Azevedo - 10:41:27 - Honda CRF 450RX
3 - Gregorio Caselani - 10:52:47 - Honda CRF 450RX
4 - Túlio Malta - 11:33:57
5 - Júlio “Bissinho” Zavatti - 11:42:25 - Honda CRF 230F

Categoria Super Production
1 - Ricardo Martins - 10:34:48
2 - Jean Azevedo - 10:41:27 - Honda CRF 450RX
3 - Gregorio Caselani - 10:52:47 - Honda CRF 450RX

4 - Roberval da Silva - 33:32:26

Categoria Production Aberta
1 - Luciano Gomes - 11:50:12
2 - Vítor Closs - 12:11:16
3 - Christian Costantini - 15:20:02
4 - Tunico Maciel - 15:23:08 - Honda CRF 450RX
5 - Danilo Gomes - 16:46:02

Categoria Rally Brasil
1 - Júlio “Bissinho” Zavatti - 11:42:25 - Honda CRF 230F
2 - Álvaro Almeida - 12:19:15 
3 - Carlos Correia Filho - 16:56:10

Categoria Over 45

1 - Ronaldo Imay - 12:13:17

2 - José de Dus Barbosa Neto - 12:52:17

3 - Osmar Yuti Shimisaka - 16:14:02

4 - Leandro Mokfa - 18:20:45

5 - Silvio Osvaldo Martins - 18:33:37

 

Categoria Motos Marathon

1- Tulio Borges Malta - 11:34:59

2 - Felipe Naldi Di Mauro - 14:14:41

3 - André Augusto Pereira Gondim Bezerra - 16:05:37

4 - Mayro Kemprs Barbosa - 18:28:35

5 - Kelder Campos - 24:54:03

Kelder Campos

 

UTV's

Deni Nascimento e Idali Bosse foram os vencedores da categoria para UTVs no 4º Rally Baja Jalapão. O evento patrocinado pela Can-Am somou pontos para o Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country e terminou neste domingo (10) em Palmas, Tocantins, após três dias de disputas e 1133 quilômetros percorridos - sendo 823 de trechos cronometrados (especiais). Com o resultado, a dupla catarinense ampliou a liderança da classificação geral dos UTVs e da categoria UTV Pro Turbo na competição nacional a bordo do Can-Am Maverick X3.

 


Deni Nascimento e Idali Bosse vencem na categoria para UTVs no 4º Rally Baja Jalapão. - foto: Claudiney Sandro

 

O veículo, que é o atual campeão do Rally Dakar, do Rally Merzouga e do Rally dos Sertões, foi a escolha dos nove competidores mais rápidos dos UTVs no Rally Baja Jalapão. A prova representa um dos desafios mais duros da temporada nacional, já que percorre as areias pesadas do famoso Parque Nacional do Jalapão.

“O Jalapão é a ‘cereja do bolo’ do off-road”, afirmou o piloto Deni Nascimento. “A região é imprevisível e, mais uma vez, impôs muitos desafios. O Rally Baja Jalapão teve especiais longas, areia pesada e exigiu bastante preparo físico dos competidores e resistência dos equipamentos. Todos da minha equipe estão de parabéns pelo trabalho, bem como o navegador Idali Bosse, que foi perfeito”, elogiou.

A dupla conta com o suporte da concessionária BRP Sanáutica nas competições. Nascimento também falou sobre o domínio do Can-Am Maverick X3 na prova. “A Can-Am revolucionou o mercado com o Maverick X3, que é fora de série. Para nós, que amamos o off-road, é muito importante largar sabendo que o UTV é confiável e vai chegar inteiro até o final do dia”, concluiu. 

Resultados UTVs - 4º Rally Baja Jalapão 500 (extraoficiais) 

Classificação final

 

UTV


1 - DENI DO NASCIMENTO / IDALI BOSSE - 11:21:58 - Can-Am Maverick X3 
2 - MARCELO GASTALDI / CLAUDIO RIESER - 11:39:52 - Can-Am Maverick X3 
3 - EUCLIDES BENVENUTI JUNIOR / FERNANDO TORQUATTO - 12:03:36 - Can-Am Maverick X3 
4 - ADRIANO BENVENUTTI / RICARDO ROCHA - 12:42:34 - Can-Am Maverick X3 
5 - LUCIANO REIS / JOEL KRAVTCHENKO - 14:09:03 - Can-Am Maverick X3 
6 - GABRIEL VARELA / EDUARDO SHIGA - 15:43:22 - Can-Am Maverick X3 
7 - PAULO EDGAR CLOSS JR / PAULO CLOSS - 17:39:17 - Can-Am Maverick X3 
8 - DENINHO CASARINI / MARCOS MAIA - 19:53:25 - Can-Am Maverick X3 
9 - SILVIO TIECHER / ARMANDO MIRANDA - 20:10:47 - Can-Am Maverick X3 
10 - LEANDRO TORRES / LOURIVAL ROLDAN - 20:41:00. 

 

Quadriciclo

1 - Geison Pinehiro - 15:47:21

2 - Marcelo Medeiros: 24:35:14

Voltar