Exemplo: CSS Dropdown menu sem JavaScript ou hacks
Visualizar Noticia

Velocross catarinense teve a 3ª etapa realizada em Taió

18/04/2018

Velocross catarinense teve terceira
etapa realizada em Taió
Texto: Bruna Wagner - Assessoria FCM - Fotos: Racecross.com

 

Taió recebeu no último final de semana (14 e 15), a terceira etapa do Campeonato Catarinense e segunda da Copa Contestado de Velocross. Com o tempo fechado e um pouco chuvoso, todos os treinos e baterias foram realizadas, com boa participação do público.

Novamente o piloto Rafael Faria foi um dos destaques das provas, faturando na etapa os primeiros lugares na Nacional 230cc Pro e VX1. “Esse ano decidi me filiar em Santa Catarina, pelo campeonato ser mais forte, mais organizado, pelo Estado ter ótimas pistas e estou muito feliz com essa escolha. Nas baterias, a pista estava boa apesar do tempo ruim e pelo terreno ser íngreme, isso ajudou a evitar poças e lama quando choveu. A direção de prova e organização estão de parabéns por cuidarem tão bem da pista para nos receber”, conta.


Rafael Faria

 

Ainda pela VX1, os pilotos Luiz Zimmermann e Edinilson Batista compuseram o pódio, em segundo e terceiro colocados. Pela Nacional 230cc Pro, Rodrigo Taborda foi o segundo e Ricardo Gargioni, o terceiro. Taborda, veio recuperado de uma queda em Blumenau e conseguiu alcançar um ótimo resultado na VX2, em que foi primeiro colocado. Compuseram o quadro nas demais posições da categoria, Faria e Zimmermann, segundo e terceiros, respectivamente. “Foi um bom final de semana, que mesmo com todas as adversidades acredito ter feito as melhores provas até agora no campeonato”, expressa Taborda.


Rodrigo Taborda

 

Na VX3, Leandro Lemos levou mais uma prova no campeonato, seguido por Makolf Berchtold e Fabiano Ribeiro. Pela VX4, Ribeiro foi o campeão, seguido de Braz dos Santos e Cleonisio Hessmann. Nas Nacionais, Gargioni ganhou na VX3, com Alex Pains em segundo e Arno Filho em terceiro. Na VX4, Itamar Rodeski foi o campeão, tendo logo atrás Adriano Pupp e Gian Reinert.


Leandro Lemos

 

Jean Grosskopf faturou a Nacional Força Livre, com Lemos logo atrás. Pela Nacional 230cc Light, o pódio foi composto pelos pilotos Fabiano Bertotti, Gabriel Menestrina e Edevaldo Faes. Na Nacional 230cc Intermediária, Jean da Silva foi o campeão, seguido de Flavio dos Santos e Darlei Weiss.


Jean Grosskopf

 

Eduardo Tessaro ganhou a prova da Intermediária VX2, com Faes em segundo e Lucas da Silva em terceiro. Pela Nacional 160cc, os campeões foram Mateus de Lima, Luiz da Rosa e Guilherme Pscheidt. Na Júnior, Carlos Gervasi foi o primeiro, seguido de Jorge Simões e Nicolas Lopes.


Eduardo Tessaro

 

Na 65cc, Vitor de Borba ganhou, com Mateus Bonetti em segundo e Brayan Cunha em terceiro. Pela Mini Motos, Mateus de Lima, Murilo de Souza e Henrique Grião, compuseram o pódio.

O resultado completo das provas de todas as categorias pode ser conferido aqui.

A quarta etapa será em Canelinha, nos dias 19 e 20 de maio. 

O Catarinense tem o patrocínio de Rinaldi, Geração Motos e Blade Energy Drink. 

Voltar